Varejo 4.0: a revolução no atendimento e gestão de estoques

O ano de 2020 vai ficar marcado na história do varejo. Enquanto lojas físicas precisaram abaixar as portas por conta da pandemia da Covid-19, o varejo digital viu os números crescerem. Nas últimas décadas, o segmento precisou se reorganizar várias vezes para acompanhar as expectativas e necessidades dos consumidores.

Cada vez mais conectadas, as pessoas mudam o comportamento de compra com muito mais facilidade. Não temos mais regras para o que funciona e, sim, o que funciona no agora.

Com a chegada da tecnologia nas indústrias e desenvolvimento de produtos, varejistas também precisaram observar novas demandas. O resultado? O Varejo 4.0 revolucionando o atendimento e a gestão de estoques de muitas empresas.

O que é Varejo 4.0?

Primeiramente, precisamos contextualizar que a Revolução Industrial foi um marco. Com ela, houve a mudança dos processos manuais sendo substituídos por máquinas. Provavelmente, você já leu sobre os acontecimentos daquela época e deve se lembrar de histórias de produção em larga escala e grandes linhas de montagem de produtos.

No mundo globalizado do século XXI, muitas tendências se conectaram para criar um cenário de transformação digital que beneficie pessoas, processos e produtos, foi então que surgiu o termo Varejo 4.0.

A necessidade de unir tecnologias com o mundo físico e digital impulsionaram o varejo tradicional para um tipo de varejo que desenvolveu a automação, análise e estruturação de dados e estratégias de marketing para uma jornada de compra cada vez mais conectada.

Naturalmente, com as mudanças que aconteceram, novos desafios surgiram. 

Agora que você chegou até aqui, vamos falar sobre 2 tópicos essenciais para definir uma estratégia de varejo eficiente nos negócios. São eles: atendimento e gestão de estoques na era do Varejo 4.0. Vamos lá?

Atendimento Varejo 4.0

Se o cliente mudou, a forma com que ele deseja ser atendido também. Não se adequar para entender os diferentes perfis, pode significar perder dinheiro. Como se destacar no cenário de atendimento do varejo 4.0? Como ser eficiente? 

Omnicanalidade no Varejo

Todos clientes estão em busca de uma experiência positiva ao entrar em contato com uma empresa, independente do segmento de mercado. Uma pesquisa realizada pela PWC mostrou que mais de ⅓ dos brasileiros compram produtos online pelo menos uma vez por semana, e os números tendem a crescer a partir do momento em que mais pessoas estão conectadas e desenvolvendo a confiança no formato de adesão.

E como fica o atendimento? Quem compra online, procura a praticidade de poder realizar trocas, tirar dúvidas ou conhecer um novo portfólio de serviços de onde está. Por isso, o atendimento omnichannel tem sido um dos grandes investimentos de varejistas em todo o mundo. Comece respondendo as seguintes perguntas:

  1. Quais canais mais utilizados pelos clientes?
  2. Como integrar todos canais sem prejudicar a experiência?
  3. Quais tecnologias você pode utilizar para melhorar os processos?

Com as 3 perguntas respondidas, você terá informações que irão te direcionar para Chatbots de Atendimento ao Cliente, Inteligência Artificial, Redes Sociais, Plataformas Multicanais ou outros canais disponíveis no mercado. Trace um plano focado na jornada do consumidor e colha os frutos da omnicanalidade no varejo.

Gestão de Estoques Varejo 4.0

Gerir o estoque é uma etapa muito importante para garantir que todas áreas do seu negócio funcionem em total sinergia. É durante a gestão que é possível perceber quais produtos saem mais, os pedidos que deverão ser feitos e quais podem itens podem ser negociados com preços melhores.

Em uma gestão de estoques no Varejo 4.0 os dados são utilizados de forma ainda mais estratégica, fornecendo dados sobre quantos clientes são necessários para manter um bom fluxo no caixa, o comportamento de compra dos clientes, margem de lucro e ações de marketing sazonais de acordo com a disponibilidade de produtos.

Saiba mais sobre a ferramenta de gestão de estoques no varejo 4.0 abaixo.

CRM

O CRM (Customer Relationship Management) consiste na utilização de um sistema de relacionamento com o cliente, colaboradores e gestores da empresa. Na maioria das vezes, o software é utilizado para mapear os principais comportamentos dos consumidores, entrada e saída de produtos, monitoramento de funil de vendas, com leads de acordo com a jornada dos clientes, e outros.

Com uma ferramenta capaz de tornar a base de relacionamento mais forte, as vendas serão ainda mais frequentes, capazes de levar empresas para uma posição bem competitiva no mercado.

Imagine uma empresa funcionando com todos processos integrados: é basicamente isso. Ele é mais que um sistema, ele conecta todas áreas em um só lugar!

Varejo 4.0 na prática

Agora que você conheceu um pouco mais sobre o Varejo 4.0, vamos explicar como colocar suas estratégias funcionando na prática. Primeiramente, é importante entender que o termo surgiu a partir de necessidades das pessoas. Por mais que ele seja focado em processos tecnológicos, as pessoas continuam sendo o motor que faz a economia e os negócios girarem.

Na prática, houve uma alteração na forma com que algumas ações são realizadas. Pense comigo, um consumidor conectado na internet, muitas vezes, não quer dispor de tempo para visitar uma loja física e comprar um produto. É preciso se adequar!

Por outro lado, times de vendedores também não precisam perder muito tempo procurando os clientes ideais de porta em porta. Com análises de dados e diferentes perfis de clientes disponíveis para análise, as prospecções podem ser muito mais assertivas.

Como você viu nos dois exemplos acima, o Varejo 40.0 é parte de uma relação bastante produtiva para todos envolvidos nos processos. Mas, para isso, você precisa contar com as melhores soluções em tecnologia para tirar seus planos do papel. Saiba mais sobre a linha de notebooks Lenovo que vai ajudar sua empresa a sair na frente.

trocar equipamentos

Compartilhe

Faça parte da transformação
inteligente! Assine nossa
newsletter e receba conteúdos
ricos sobre tecnologia, inovação,
gestão e muito mais.